A rádio que mudou a Rádio

A rádio que mudou a Rádio

Começou por ser Rádio Jornal, mais tarde passou a Rádio Notícias. Mas foi sempre TSF. A rádio de Emídio Rangel e Fernando Alves e David Borges e Mário Pereira. E também de António Macedo e Sena Santos e Maria Flor Pedroso. E a de todos quantos vieram com eles ou depois deles, nos estúdios das Amoreiras e nos da Avenida de Ceuta, em Lisboa e em Portugal: de José Fragoso a José Manuel Mestre, de António Jorge Branco a João Paulo Guerra, de Carlos Andrade a João Paulo Baltazar.

Primeira passagem, fugaz, com notas soltas sobre música e espectáculos, logo a seguir à fundação, em 1988. Durou até princípios da década de 90, quando a Televisão se tornou ocupação principal.
Segunda passagem em 1997-98, para a que seria a última série de crónicas de escárnio e maldizer

Crónicas de escárnio e mal-dizer

Textos de algumas crónicas transmitidas na TSF em 1997-1998
  • Ler jornais é saber demais 21-01-1998

    Cada vez me custa mais a entender aquela teimosa mania que o professor Cavaco tinha de não ler jornais. É verdade que os jornais, por regra, estão cada vez mais pardos e menos interessantes. E é um facto que certos jornalistas são...

    Ler Mais: Ler jornais é saber demais

  • O fado das águias 15-10-1997

    O Benfica está em crise e o país real acompanha, ansioso, as angústias, as dúvidas e o sofrimento das águias da Luz. Vão longe os dias em que «ser benfiquista era ter na alma a chama imensa», como cantava o incomparável Luís Piçarra. Mas isso...

    Ler Mais: O fado das águias

  • Descubra as diferenças 18-03-1998

    O presidente do governo regional da Madeira celebrou ontem 20 anos de poder mais ou menos absoluto com diversas entrevistas, concedidas a alguns orgãos de comunicação social do Continente. Com a sagacidade e a subtileza que o...

    Ler Mais: Descubra as diferenças

  • Falando assédio 28-01-1998

    Quando não têm uma guerrazinha com que se entreter, os americanos são capazes de tudo. Até de transformar em notícia as possíveis aventuras extraconjugais de Bill Clinton. Tudo começou com uma vulgar acusação de assédio sexual - essa...

    Ler Mais: Falando assédio

  • O general casernícola 29-10-1997

    O candidato da coligação PSD-PP à Câmara Municipal do Porto, general Carlos Azeredo, está a revelar-se uma autêntica caixa de surpresas. Num país tão carecido de ideias, ele corre o risco de se tornar o estratego-mor da...

    Ler Mais: O general casernícola

  • Que grande pedra 14-01-1998

    Pela leitura da última edição do Expresso, ficámos a saber que «o Presidente Jorge Sampaio propôs na última semana aos líderes dos quatro maiores partidos a realização de um almoço comum contra a droga.» Confesso que a notícia me...

    Ler Mais: Que grande pedra

  • A solução final 05-11-1997

    «Enxertos da cabeça de macacos no corpo de outros macacos, realizadas com êxito numa universidade norte-americana, poderão um dia dar origem a uma espécie de transplantações de corpo inteiro em seres humanos.» A notícia, que acabei...

    Ler Mais: A solução final

 

ler todas as crónicas da TSF